Deveres do Médium

  • Procurar colaborar sempre;
  • Ser gentil com todas as pessoas;
  • Jamais endeusar alguém, principalmente dirigentes e médiuns;
  • Não fugir do assunto que estiver em pauta, evitando falar de fatos pessoais ou casos de família;
  • Buscar sempre as respostas para suas indagações, não permanecendo com dúvidas;
  • Ser humilde, simples e amigo (a);
  • Respeitar quando o dirigente, entidade ou colega estiver falando, evitando conversas paralelas;
  • Não mostrar arrogância sobre determinado assunto a outros componentes da corrente;
  • Não emitir opiniões pessoais, que possam agredir outra pessoa; Nem de cunho verbal, nem de cunho físico, sob pena de demissão;
  • Não se ausentar  da  corrente em meio  a um trabalho,  sem a autorização do dirigente ou entidade que estiver comandando a gira;
  • Cuidados com as dependências do terreiro;
  • Permanecer em dia com o pagamento da mensalidade; (Obs: Ela será aplicada exclusivamente para uso interno da Associação.)
  • Lembre-se de que uma casa espirita é um hospital de Deus. Se a buscamos é porque necessitamos, por isso, devemos nos esforçar para livrar-mos da cólera, avareza, ódio, vaidade, orgulho, egoísmo, mentira, falsidade, maledicência, inveja, preguiça, falta de fé e do amor próprio excessivo diariamente.

Horário

  • O médium deverá chegar ao terreiro no mínimo 30 minutos antes do inicio da gira, e assim, estar pronto em seu lugar 10 minutos antes do inicio da mesma. Após a abertura dos trabalhos, nenhum médium poderá entrar sem autorização do Dirigente ou entidade que estiver comandando a gira.

Vestimenta

  • Deverá ser branca, discreta e sem exageros.

Instalações

  • É expressamente proibido fumar dentro das instalações da casa (terreiro e vestiário) (Obs: Somente é permitido  fumar da porta para fora, nos intervalos ou após os términos dos trabalhos, sempre respeitando a lei municipal vigente;
  • Após os giras ou qualquer outro trabalho realizado os médiuns deverão deixar as instalações limpas e organizadas, como congá, cozinha, vestiários e assistência. Se não houver voluntários, os mesmos serão escalados pelo comando da casa.

Visitas

  • O médium da corrente,  que quiser visitar outros terreiros e/ou casas espiritas, deverá fazê-la com o maior respeito e sobriedade, sabendo entrar e sair.

Passes e Puxadas

  • Não é permitida puxada em qualquer consulente durante o passe, sem a devida autorização do comando da casa. Caso notar algo que mereça maior atenção, deve-se comunicar algum dirigente ou entidade que estiver comandando a gira;
  • Somente médiuns autorizados pelo comando da casa, poderão realizar as puxadas ou auxiliar outros médiuns na sua incorporação.

Bebidas e Cigarros

  • Não é permitido médiuns ou entidades iniciantes na casa, beber ou fumar sem o expresso consentimento do comando da casa, leia-se, a entidade que estiver comandando o trabalho;
  • Também a quantidade será verificada pelo comando da casa.

Cobrança de Valores

  • Em hipótese alguma poderá ser cobrado qualquer valor, por qualquer tipo de consulta ou trabalho realizado nas dependências da ASSEMA , ou por algum de seus médiuns.
  • Obs: Na ASSEMA não é permitido o sacrifício de animais. 
  • O não cumprimento de qualquer um dos itens acima resultará em advertência, suspensão e exclusão do médium.

Esperamos contar com a compressão, seriedade, responsabilidade, educação e bom senso de todos os médiuns.

Lembramos que as regras são feitas para serem cumpridas, sem exceção e, tudo o que fazemos com  amor e dedicação com certeza tem a sua recompensa.